Eles integrarão um programa do governo do estado e darão aulas de alfabetização

O programa Paraná Alfabetizado abriu ontem, dia 11, o segundo chamamento público para alfabetizadores interessados em participar do programa. Os interessados devem procurar o Núcleo Regional de Educação mais próximo para se inscrever até a próxima sexta-feira (15). Os alfabetizadores ensinarão de forma voluntária, sem vínculo empregatício, e receberão R$ 260,00 por mês.

De acordo com o coordenador do programa, Wagner Roberto do Amaral, o objetivo deste ano é formar 5 mil turmas de alfabetização no Paraná. “Este é o segundo chamamento público realizado em 2007, mas haverá outros no decorrer do ano”, afirma.

Segundo Wagner, já foram inscritas mais de 5.500 pessoas no primeiro chamado, mas ainda há vagas para alfabetizadores em 255 municípios, entre eles Curitiba, Londrina, Maringá, Cambé e Foz do Iguaçu. “As pessoas que não conseguiram se inscrever no chamamento anterior e têm interesse em participar do programa poderão se inscrever agora”, diz.

As vagas são preferenciais para professores das redes públicas estadual e municipal, professores habilitados e pessoas que tenham o ensino médio completo. Mais informações podem ser encontradas no site do programa (www.pa ranaalfabetizado.pr.gov.br) ou pelo telefone 0800-416200.

VEJA TAMBÉM

A ética dos propagadores de fake news

O título desta crônica é provocativo, pois vivemos num tempo onde cada um é induzido a acreditar na sua fake news de preferência através da

Casa Bem Acabada

Iéste negócio da gente se meter a rabequista das véis dando o maior dos problema!! Sobrinha Roseli se achegando com cara cheia de felicidade contanto

Compartilhe