Empresa vai ser ampliada para manter a competitividade no mercado internacional

A Repar (Refinaria Presidente Getúlio Vargas) completa 30 anos de fundação no domingo, dia 27, e se prepara para receber um mega empreendimento, que vai ampliar suas instalações. A refinaria começou a ser construída em 1973 e entrou em operação em 27 de maio de 1977, em Araucária.

Já no final da década de 70, a unidade processava 24 milhões de litros de petróleo por dia. Na década de 80, a refinaria ampliou suas áreas verdes e instalou estações de medição da qualidade do ar, marcando a responsabilidade ambiental que até hoje norteia suas ações.

Hoje, é responsável por cerca de 12% da produção nacional de derivados do petróleo, com capacidade para processar 32 milhões de litros por dia. Seus produtos abastecem os estados do Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul, além da região sul de São Paulo. Cerca de 15% completam o abastecimento de outras regiões ou são exportados.

A Unidade possui certificação ISO 9001(Gestão de Qualidade), ISO 14001 (Gestão de Meio Ambiente) e OHSAS 18001 (Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional).

Empreendimento
A Petrobras vai investir US$ 12 bilhões apenas na área do abastecimento até 2010. Do total, a maior parcela para uma refinaria está reservada para a Repar, em Araucária. Serão US$ 2,531 bilhões em cinco anos. Os investimentos fazem parte de um programa da Companhia para manter-se competitiva no mercado internacional de derivados de petróleo e adequar-se às futuras fases da legislação ambiental.

As obras do complexo começarão em novembro de 2007 e o início da operação está previsto para julho de 2009, período em que serão gerados mais de 7 mil postos de trabalho diretos. Os novos produtos da Repar permitirão também à Petrobras aumentar a exportação para mercados com leis ambientais mais rígidas, como Europa, América do Norte e Japão.

Principais números da Refinaria

Localização: Araucária (PR)
Área: 10 km2
Capacidade: 32 milhões de litros de petróleo por dia, ou 12% da produção total da Petrobras.
Força de Trabalho: 800 próprios e 600 contratos permanentes.

VEJA TAMBÉM

Compartilhe