Está desaparecida desde o final da tarde de quinta-feira, 20 de janeiro, a cadelinha vira-lata que atende pelos nomes de Lili ou Lila. De cor preta e porte médio, Lili fugiu na região do Palmital, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal e foi vista pela última vez nas proximidades das pontes velhas do Rio Iguaçu.

Segundo a família, a cadelinnha fugiu no dia em que eles estavam saindo para viajar. “Quando a gente saia, ela sempre acompanhava o carro até um determinado trecho, mas logo voltava. Naquele dia ela nos seguiu e eu acredito que tenha ouvido um trovão e, com medo, acabou não voltando pra casa. A Lili entrou no Motel Stillus para se proteger e lá alguém deve ter pensado que era uma cadelinha de rua e a colocou pra fora. Depois ela foi vista andando pela rodovia, perto das pontes velhas. Estamos aflitos atrás da Lili porque ela pertence ao meu filho, e ele está sentindo muita falta da amiguinha”, disse Márcia.

Ela também acredita que alguém pode ter recolhido a Lili, porque ela é fofinha e muito bem cuidada. “Ela está conosco há cerca de 14 anos, queremos muito encontrá-la”, contou.

Quem tiver alguma notícia sobre a Lili poderá entrar em contato pelo fone (41) 98414-8534. A família oferece recompensa.

Texto: Maurenn Bernardo

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp