Compartilhe esta notícia

Empresa implantou um sistema para buscar o contínuo melhoramento do setor produtivo

Capacitar os participantes a implantar o conceito de melhoria contínua através da geração de idéias práticas e de aplicação imediata, para aumento da produtividade. Com este objetivo a unidade da Fosfertil de Araucária contratou uma empresa de consultoria para desenvolver, durante uma semana, o sistema Kaizen dentro da empresa.

O Kaizen é uma prática japonesa que busca o contínuo melhoramento do setor produtivo, envolvendo todos, inclusive gerentes e operários. Com este trabalho, a empresa buscou um acompanhamento de todo o seu processo industrial, visando uma redução do desperdício.

Em março, a empresa havia implantado um outro sistema semelhante ao Kaizen, com o tema Caçadores da água perdida, que buscou a redução do desperdício de água no processo produtivo. A meta era reduzir em até 2% a compra de água, como forma de melhorar o processo interno. Concluído o trabalho, a compra reduziu 2.6%, gerando um impacto na redução das despesas de R$ 900 mil por ano.

Nesta edição o Kaizen enfocou a melhoria no processo de produção da uréia e a redução do desperdício, num trabalho que envolveu diretamente 14 pessoas e oito deram suporte ao trabalho.

O diretor industrial do grupo Fosfertil, Roberto Busatto, participou do encerramento da semana.

Meta
A meta era reduzir as perdas em 20% num primeiro momento, objetivo que deverá ser alcançado, pois somente na primeira semana a redução foi de 12%.

A previsão para o mês de maio é a de reduzir o desperdício em 21%. Com esta redução, a expectativa da empresa é gerar uma economia superior a R$ 1 milhão/ano.

Compartilhe esta notícia
Fechar anúncio