Quem não viu as telas ainda tem tempo de fazê-lo
Quem não viu as telas ainda tem tempo de fazê-lo

A exposição “Cores da Noite”, do pintor araucariense Carlos Janchikoski, continuará aberta para visitação no Museu Tingui-Cuera até o próximo dia 31 de janeiro. Carlos, que participa pela primeira vez de uma mostra individual, levou para apreciação do público o seu acervo diversidades e pontos turísticos da cidade.

São trabalhos belíssimos, em óleo sobre tela, que utilizam a técnica conhecida como espatulado. Algumas pinturas são criações próprias e outra são releituras de outros artistas como Leonid Afremov, seu grande inspirador e Valdonês.

A mostra é organizada pela Prefeitura, através da Secretaria de Cultura e Turismo.

Serviço

Exposição “Cores da Noite” no Museu Tingui-Cuera até 31 de janeiro. O museu fica na rua Ceará, 65 – jardim Iguaçu. O horário de visitação é de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30. Aos sábados, domingos e feriados o horário é das 13h às 17h. Informações pelos fones 3901-5037 ou 3901-5067.

Texto: Maurenn Bernardo / Foto: Everson Santos

VEJA TAMBÉM

Vamos encontrar a Bebê

A cadelinha Bebê, da raça pinscher, fugiu de sua casa, que fica próxima à Madeireira Odppis, na Rodovia do Xisto, Centro. Ela está desaparecida desde

Compartilhe