Agricultura está distribuindo doses da vacina gratuitamente para os produtores

Apesar de ser uma responsabilidade do governo do estado, a Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento – SMAG está desenvolvendo uma ampla campanha de vacinação contra a raiva em bovinos, bubalinos e eqüinos. A meta, segundo afirma a médica veterinária da secretaria, Marina Gayer, é vacinar todos os animais numa extensão de até 12 quilômetros nas áreas de foco da doença.

Apesar de muitos produtores acreditarem que a doença está erradicada, está havendo uma reincidência muito grande no Paraná. Em 2005 foram registrados 65 casos, em 2006 esse número subiu para 282 (12 focos em Araucária) e em 2007 (até a presente data) já foram registrados casos no estado, com 6 focos no município.

“A responsabilidade de vacinar o rebanho é dos produtores, mas Araucária quer contribuir com este trabalho e por isso adquiriu as vacinas com recursos municipais e está distribuindo as doses gratuitamente”, explica Marina.

Além disso, a médica comenta que a Agricultura fez um mapeamento e está visitando as propriedades, aplicando vacinas nos animais e também está realizando reuniões com os produtores, para conscientizá-los do problema.

“Estamos indo além das nossas obrigações porque queremos erradicar de vez com esta doença. Para isso estamos distribuindo a vacina, aplicando em animais de algumas propriedades e ainda fazendo o controle das doses que foram aplicadas pelos próprios produtores”, acrescenta.

De acordo com a SMAG, de abril deste ano até a presente data, já foram distribuídas e/ou aplicadas 7.639 doses da vacina contra a raiva.

VEJA TAMBÉM

Compartilhe