No primeiro dia de vacinação aproximadamente 300 doses da vacina foram aplicadas

A Secretaria Municipal de Saúde de Araucária (SMSA), através do Serviço de Vigilância Sanitária, deu início ontem, dia 16, à Semana de Vacinação Preventiva Contra Raiva. Inicialmente a vacinação será feita apenas nos bairros Tropical, Dalla Torre, Iguatemi e Independência, onde serão montados postos fixos nas sedes das associações de moradores para realização da cobertura vacinal dessas áreas.

No primeiro dia de vacinação, realizada no bairro Iguatemi, aproximadamente 300 animais foram vacinados.

O estudante Diego Antunes, levou Banzé para vacinar e destaca a importância de proteger e cuidar bem dos animais de estimação. “Encontrei o Banzé na rua, perdido, cheio de sarna e com pneumonia, foi amor à primeira vista. Tratamos dele e hoje ele é o xodó da família”, conta.

A vacinação preventiva está sendo feita devido ao registro de quatro casos de raiva bovina na área rural do município, entre os meses de março e abril.

De acordo com a veterinária do Serviço de Vigilância Sanitária, Flávia Wolff, o bloqueio vacinal será realizado apenas nessas áreas, obedecendo à exigência de cobertura de um raio de 5 quilômetros. “É indispensável realizar a vacinação preventiva em cães e gatos, especificamente nessas áreas, para evitar a transmissão da doença que pode inclusive atingir o homem”, explica.

A veterinária reforça que a vacinação que está sendo realizada é preventiva. “Não temos casos de raiva registrados no município em animais domésticos. A raiva está controlada no Paraná desde 1987, mas a vacinação pode evitar o surgimento de possíveis casos”, afirma.

De acordo com Flávia, a vacinação preventiva é importante, uma vez que já foi registrada em anos anteriores a presença do morcego hemató­fago (transmissor da raiva), em municípios e localidades próximas a Araucária.

VEJA TAMBÉM

Compartilhe