Clientes do Max Atacadista Araucária reclamam do calor excessivo dentro da loja

Clientes do Max Atacadista Araucária reclamam do calor excessivo dentro da loja
Foto: Divulgação.
Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Vários clientes da filial Araucária do Max Atacadista entraram em contato com a redação do jornal O Popular neste final de semana reclamando do calor excessivo dentro da loja.

Segundo eles, permanecer dentro do estabelecimento por mais de alguns minutos é um desafio, se tornando uma epopeia ainda maior quando é preciso aguardar sua vez na fila para o caixa.

Na manhã deste domingo, 3 de dezembro, O Popular esteve no Max, para conferir de perto a situação. O termômetro marcava 31 graus, mas dentro da loja a sensação térmica era bem maior. Muitas pessoas utilizavam embalagens de produtos como leques para tentar espantar o “bafo quente” que podia ser sentido em todos os corredores do estabelecimento.

O Popular apurou que a loja Araucária do Max não possui sistema de ar-condicionado. A recomendação para os clientes é de que entrem em contato com o SAC da loja para registrar a situação.

Em contato com a assessoria de imprensa do Max para verificar se a direção da empresa prevê algum tipo de solução para o problema, considerando que a expectativa é a de que tenhamos um verão dos mais quentes dos últimos anos, está emitiu a seguinte nota: “O conforto de nossos clientes e colaboradores sempre foi prioridade para nossa marca. Porém, a forte onda de calor, em uma região de temperaturas regularmente amenas, é atípica. Estamos buscando alternativas que atendam às necessidades durante o verão. Pedimos desculpas pelo desconforto e estamos trabalhando para que experiências como esta não se repitam”, informaram.

Compartilhar
PUBLICIDADE