ENEM: como acertar na hora da redação

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) acontece nos dias 13 e 20 de novembro e vai movimentar a vida de milhares de jovens em todo o Brasil. Um dos motivos de ansiedade de quem fará as provas é certamente a redação, que tem peso relevante para a média final e pede uma análise precisa e inteligente do tema, em curto período de tempo.
No primeiro dia de exame, os jovens têm 5 horas e 30 minutos para responder a 90 questões e escrever sua redação — apenas meia hora a mais do que no dia em que apenas as questões de múltipla escolha precisam ser respondidas. Embora possa ser difícil, é preciso manter a calma diante da prova; assim, fica mais fácil colocar em prática todo o conteúdo estudado durante as séries do Ensino Médio.
Rosangela Dambroski dos Santos, coordenadora do Ensino Médio do Colégio Marista Sagrado Coração de Jesus, explica que os estudantes têm ritmos e processos diferentes de estudo, mas com algumas dicas é possível otimizar o tempo na prova:
Leia o tema da redação
Leia o tema da redação primeiro e siga para as perguntas de múltipla escolha. Essa estratégia ajuda o cérebro a concatenar argumentos e ideias, sem perder tempo.
Mapa mental
Elabore um esboço (um mapa mental) que lhe permita visualizar a estrutura do texto quando iniciar a escrita. Faça um rascunho primeiro, que deve ser passado a limpo.
Atenção para a proposta de intervenção
Na proposta de intervenção, não se esqueça dos seguintes elementos: a ação, o que você propõe realizar para melhorar a questão discutida; o agente, quem vai implementar essa ação (aqui procure ser específico, por exemplo, em vez de dizer que o responsável é o governo, especifique que órgão governamental tomará a ação; como realizar a ação, com detalhes de como a proposta deve ser desenvolvida; e o efeito, com a implementação dessa ação e como a situação será alterada por ela.
Conecte suas ideias
Não se esqueça de usar conectivos para iniciar os parágrafos, pois eles ajudam a ligar as partes e a introduzir novas ideias. Alguns exemplos de conectivos são: por consequência; como resultado; por isso; em virtude de; assim; pois; já que; uma vez que; portanto; de tal forma que.
Não rasure
Evite rasurar o texto. Caso esteja passando o texto a limpo e cometa um erro, não risque. Procure usar expressões corretivas, como “digo” ou “melhor”.

Compartilhar
PUBLICIDADE