Pesquisar
Close this search box.

Jesus, o Salvador

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

A história da salvação se realiza plenamente em Jesus Cristo, o enviado do Pai, para salvar a humanidade. Deus foi se manifestando ao longo da história desde a criação do mundo, depois em Abraão, em Noé, no povo de Israel, nos profetas, demonstrando em tudo e através de todos o seu grande amor. Toda a história da salvação é uma história de amor, de um amor infinito, pleno, sem limites. Tudo o que Ele fez, tudo o que Ele criou, foi com amor. E a sua prova máxima de amor, se manifestou em seu filho Jesus, que veio para demonstrar a sua infinita misericórdia, apesar dos nossos pecados. Ele não quer a morte do pecador, mas, que se converta e viva. Ele não se alegra com a nossa desgraça, muito pelo contrário, faz festa quando alguém reconhece seus erros e se coloca na dinâmica da mudança de vida.

O amor de Deus com a história do mundo, se fez plenamente na pessoa de Jesus, seu filho. Nele Deus se fez verbo, se fez carne, e veio habitar entre nós, assumindo a nossa condição humana, em todos os sentidos, menos no pecado. Esse é um mistério indecifrável, um Deus feito gente, que armou a sua tenda e veio morar entre nós. Tudo o que ele fez, falou, foi Deus que foi se revelando na sua pessoa. Se quisermos conhecer Deus na sua essência e na sua totalidade, precisamos conhecer o homem Jesus de Nazaré, que andou pelas ruas da Galileia, anunciando a boa nova do Reino. E o que ele fez, quais foram seus gestos e suas palavras? O que ele nos deixou como legado para sempre, até os confins do mundo?

Ele veio mostrar o rosto amoroso e misericordioso do Pai, que ama de modo preferencial os excluídos, os pobres e abandonados. Onde encontramos Jesus? Com certeza, raramente o vemos no Templo, mas, no meio do povo, levando a salvação para todos. Ele está nos bairros, nas vilas, anunciando a todos o seu amor, aos doentes, aos pecadores, aos leprosos, àqueles que andavam desanimados e sem esperança. A todos ele tem palavras de conforto, um gesto de amor incondicional, querendo somente e unicamente o bem de cada um. Um amor jamais visto, porque a sua vida toda está a serviço dos outros, sobretudo, dos mais necessitados e sofredores.

Natal nos faz recordar tudo isso, o nascimento do Menino de Deus, que veio habitar entre nós e trazer a todos a salvação. Ele não veio para condenar, mas, para salvar, como ele mesmo nos afirma através de suas palavras, de seus gestos e ações. Toda a sua vida está a serviço da salvação e da redenção de toda a humanidade. Compreender o Natal, é se colocar nesta mesma dinâmica de amor aos irmãos, doando nossa vida a serviço do Reino de Deus. Natal é vida que nasce, Natal é vida que vem, nós somos o seu presépio e a nossa casa é Belém.

Desejo a todos um feliz e abençoado Natal, carregado de amor pelo próximo, tempo de perdão e de reconciliação. Jesus é o Salvador e quer que todos nós nos salvemos, porque ele não veio para condenar, mas, para salvar. Somos chamados em Jesus, o Salvador, a sermos instrumentos de amor. A passarmos pela vida, assim como ele, fazendo o bem e dando a vida uns pelos outros. Esse é o maior gesto do Natal do cristão, de amor incondicional, de solidariedade e fraternidade. Feliz e abençoado Natal.