Pesquisar
Close this search box.

Moradores fazem mutirão para construir sede de associação

União dos moradores será importante para a construção de um local para projetos e ações. Foto: divulgação
Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email
Moradores fazem mutirão para construir sede de associação
União dos moradores será importante para a construção de um local para projetos e ações. Foto: divulgação

Integrantes da associação de moradores da Portelinha e membros da comunidade se uniram em um mutirão para construir a sede da entidade, no terreno que foi doado a eles e que ficou por 15 anos sem uso. Com materiais tijolos, cimento, madeiras, areia, telhas e outros materiais doados, eles estão literalmente colocando a mão na massa para construir um espaço que será usado pelos moradores, para receber projetos de ação social como um clube de mães, cursos, campanhas, entre outros.

Segundo o presidente da Unamar, Luiz Kaill, a associação estava desativada desde que seu presidente recebeu proposta de emprego e foi trabalhar em outro estado. “Na verdade, quem tocava a associação lá era apenas o presidente, e como ele foi embora, os trabalhos pararam por completo. Até que os moradores finalmente entenderam a importância da associação e resolveram se mobilizar, constituíram uma nova eleição e agora estão construindo a sede em um terreno que eles ganharam”, explicou.

A vice-presidente da entidade, Lurdes Delgado Fernandes, uma das líderes do mutirão, disse que o terreno estava sem uso há cerca de 15 anos, e ninguém se prontificava em construir a sede. “Decidimos reativar a associação, elegemos uma nova diretoria, com aval do presidente Gilmar, que continua no cargo, e nos unimos para construir a sede. Em pouco tempo conseguimos várias doações de materiais de construção. No sábado passado (de maio) começamos a obra, ficamos trabalhando das 6h da manhã até às 6h40 da tarde. Uma moradora nos preparou um delicioso café da manhã, e no próximo sábado (8 de maio) estaremos todos lá novamente. Já ganhamos o almoço de outro morador para quem vai trabalhar na obra”, comenta Lurdes.

Ela disse que a obra vai de tijolinho em tijolinho, e todos doam o que podem para ajudar. “Ficamos animados porque para a próxima etapa já ganhamos 500 tijolos de um morador, 12 treliças de outro, uma carga de areia de outro, cimento de outro, e vamos fazer o alicerce.

Para ajudar na obra também ganhamos uma batedeira nova e fizemos uma rifa para arrecadar recursos. Se Deus quiser, e eu creio que Ele quer, iremos construir nossa sede. Vamos reativar com tudo nossa associação e trazer melhorias para o nosso bairro”, comemora a vice-presidente.

Serviço

Contribua com a obra na Portelinha, doando qualquer tipo de material de construção. As entregas poderão ser feitas nos seguintes endereços: rua Três de Abril, 110, bairro Portelinha e rua Sônia Bodziak 196, no bairro Capela Velha. Os fones de contato são o (41) 99501-5692 e (41) 9969-6197.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1260 – 06/05/2021