Prefeitura trabalha para liberar ponte da rua Dionísio Gembarowski até início da próxima semana

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Ao longo das últimas semanas algumas famílias que residem em localidades no entorno da rua Dionísio Gembarowski, no bairro Capela Velha, acabaram ficando meio que isoladas em razão das obras de revitalização que acontecem na via.

Acontece que os trabalhos incluíram também a revitalização da ponte sobre um córrego da represa do Passaúna, a expectativa inicial da Prefeitura era a de que os trabalhos durassem em torno de trinta dias, mas foi necessário um pouco mais de tempo.

A boa notícia é que finalmente os serviços de contenção das cabeceiras dessa ponte estão sendo concluídas. A expectativa dos engenheiros da Construtora D. Amorim, que venceu a licitação feita pela Prefeitura para executar a obra, é que até o final desta semana ou, no máximo, início da próxima, o tráfego no local possa ser liberado.

Ainda conforme apurado por nossa reportagem, a ponte teve que ser interditada porque só o tempo de “cura” do concreto aplicado nesse reforço da estrutura foi de 28 dias. Nesse período, inclusive, algumas pessoas chegaram a pensar que a obra ali estava parada, mas não foi isso. A empreiteira não podia colocar qualquer tipo de peso sobre a ponte justamente para não prejudicar o processo de “curagem”. Agora, com essa etapa concluída, os operários já voltaram a trabalhar no local.

O primeiro trecho da pavimentação da Dionísio Gembarowski alcança 2.571,38 metros de extensão. Essa rua margeia a Represa do Passaúna ligando o bairro Capela Velha a localidades rurais como Roça Velha e Roça Nova.

Ao todo, a Prefeitura pavimentará praticamente 10 quilômetros de extensão da Gembarowski. A primeira fase está praticamente finalizada. Mas há ainda outros dois trechos contratados pelo Município: um de 2.531,84 metros de extensão e o terceiro de 2,6 km.

Edição n.º 1382

Compartilhar
PUBLICIDADE