O professor Marcus Matozo, do Colégio Estadual Professor Julio Szymanski, tem fama de ser muito criativo em suas aulas. Os conteúdos de Geografia, nas mãos do educador, se transformam em gincanas, brincadeiras e atividades lúdicas, tudo para despertar o interesse dos seus alunos. dessa vez ele organizou uma gincana com os alunos do ensino médio (2° Integrado e 3° regular), envolvendo os conteúdos da disciplina e Metodologias Ativas.

A gincana foi dividida em seis provas, onde os estudantes precisaram unir forças para desvendar todos os enigmas propostos. Na 1ª prova eles elaboraram um organograma com as funções de cada membro da equipe, e enviaram por e-mail para o professor, que respondia enviando um caça-palavras, para que os estudantes desvendassem o enigma: ir até a biblioteca para conseguir dados da prova 2. Eles também tinham que acertar duas respostas sobre o assunto trabalhado em sala.

Na prova 2 os alunos precisaram construir uma máquina, utilizando materiais recicláveis (poderia ser uma máquina a vapor, hidráulica ou elétrica). “Para concluir a prova, tiveram que gravar um vídeo mostrando a produção da máquina e postar em uma rede social. Depois tiveram que pegar o link do vídeo, transformar em um QR-Code, e distribuir pela escola”, explicou Marcus.

A prova 3 iniciava quando a equipe enviasse o QR-Code para o e-mail do professor, que passava as instruções da prova 3: produção de dois cartazes, contendo cinco elementos positivos sobre o Capitalismo e cinco elementos positivos sobre o Socialismo. Eles também tiveram que enviar as fotos dos cartazes para o e-mail do professor.

A prova 4 era fazer uma foto da equipe, com a máquina construída. “Recebida a foto, repassei as instruções da prova 5: assistir três filmes, ‘O senhor das armas’, ‘Adeus Lênin’ e ‘Estrelas além do tempo’, depois eles respondiam a pergunta enigma e descobriam o que fazer na prova seguinte: baixar o app IND 4.0 e seguir todas as instruções, gravar um vídeo utilizando o app e me enviar via whatsapp. Feito isso, eles realizaram uma pesquisa sobre a Indústria 4.0 e entregaram por escrito. Na prova 6, a última, eles entregaram um relatório final sobre toda a gincana”, citou Marcus.

Segundo ele, a gincana movimentou os estudantes, que se   empenharam ao máximo para cumprir todas as provas. “Pelos relatórios foi possível perceber que eles gostaram muito dessa experiência e assimilaram bem os conteúdos”, frisou o professor.

Texto: Maurenn Bernardo

VEJA TAMBÉM

Compartilhe