Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Assinatura do contrato de financiamento entre Prefeitura e Caixa aconteceu na semana passada. Foto: divulgação

A Prefeitura pretende lançar já nas próximas semanas os processos licitatórios para escolha das empresas que executarão obras de revitalização em ruas de três importantes loteamentos da cidade: jardins São Francisco, Shangri-lá e Sabiá.

O recurso para as obras vêm de uma linha de financiamento contratada pelo Município junto à Caixa Econômica Federal. A assinatura do contrato liberando num primeiro momento R$ 50 milhões à Prefeitura aconteceu na última sexta-feira, 24 de setembro.

As obras de revitalização desses loteamentos incluem todos os serviços de drenagem, reforço da base da pista, galeria de águas pluviais, calçamento e meio fio. O asfalto que será aplicado nessas vias é o concreto betuminoso usinado à quente, o chamado asfalto definitivo.

Todos os projetos de engenharia e as sondagens necessárias para a realização dessas obras já estão prontos, sendo que a Secretaria Municipal de Obras Públicas (SMOP) trabalha agora na conclusão da atualização da tabela de custos dos insumos necessários para execução dos serviços. Essa atualização foi necessária porque nos últimos meses tem havido uma variação constante nos preços de alguns itens utilizados em obras de pavimentação, principalmente aqueles derivados do petróleo.

De acordo com a Secretaria de Obras, no jardim Shangri-lá serão pavimentadas quatro ruas, dentre elas a principal do loteamento: a Capivari. A via será totalmente revitalizada. O investimento total na região deve ser de aproximadamente R$ 10 milhões

Já as obras no jardim São Francisco contemplam um total de 13 ruas, dentre as quais a Amor Perfeito, Violetas e Tulipas. O custo dessa revitalização deve ser de algo em torno de R$ 15 milhões.

No jardim Sabiá os trabalhos de revitalização englobam oito ruas. No pacote está, por exemplo, a recuperação de todos os setecentos metros da Anastácio Flizikowski e os mais de quinhentos da Capitão Aristóteles Moreira. No total, a expectativa é que o investimento nessas vias ultrapasse a casa dos R$ 5 milhões.

Prazos

A ideia da Prefeitura é que os processos licitatórios para execução dessas obras aconteçam ainda neste ano de 2021, de modo que as obras sejam iniciadas no final de dezembro ou primeiro bimestre de 2022.

Relação de ruas que serão pavimentadas/revitalizadas 

Texto: Waldiclei Barboza

Publicado na edição 1281 – 30/09/2021

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM