O dia 2 de abril foi instituído pela ONU, em 18/12/2007, como o “Dia Mundial de Conscientização do Autismo”, sendo incluído no calendário nacional, pela lei nº 13.652/18.

O diagnóstico do TEA é clínico, devendo ocorrer de forma precoce para acontecer a efetivação dos encaminhamentos gerais. A família e médicos especialistas precisam ficar alertas a alguns sinais nas crianças, como dificuldades em responder chamados e manter contato visual, atraso da fala e diferentes formas de comunicação, interação social, padrões repetitivos e restritos de comportamentos, interesses ou atividades e atraso neuropsicomotor.

Na educação, a criança/ estudante frequenta uma das unidades educacionais e realiza atendimentos em um dos CMAEEs (Centro Municipal Educacional de Atendimento Educacional Especializado): TGD, AI Joelma, AI Padre José Anusz, os quais possuem o serviço de itinerância com professores especializados, que fazem as mediações entre os profissionais das unidades, visando estimular a superação de barreiras na comunicação, interação social, buscando o pleno desenvolvimento. Também as crianças/estudantes
podem frequentar as Salas de Recursos Multifuncionais, o que facilita o acesso das famílias e os encaminhamentos realizados entre os profissionais.

As crianças/estudantes inclusos possuem os Estudos de Caso, construídos com os
profissionais das unidades educacionais e famílias. Estes são analisados pela equipe do Departamento de Educação Especial e posteriormente direcionados e os atendimentos necessários, sempre na perspectiva do ensino colaborativo.

Considerando a Lei Municipal nº 3398/2018, é garantido à pessoa com TEA o atendimento preferencial, que inclui o símbolo mundial do TEA nas placas de atendimento preferencial e a carteira de identificação para autista.

O Departamento de Educação Especial da Secretaria Municipal de Educação de Araucária, prezando pelo desenvolvimento integral das crianças/estudantes, está em constante diálogo com as famílias e com os profissionais da educação para o melhor atendimento aos estudantes/ crianças inclusos. Pois acredita que é somente com o ensino colaborativo, com a troca de experiências entre os profissionais e o estudo constante, que serão minimizadas as barreiras, proporcionando maior equidade no processo educativo.

Publicado na edição 1305 – 31/03/2022

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

O Rio Iguaçu (Parte 2)

O Rio Iguaçu inicialmente adentra o município apenas pela margem esquerda na Zona Rural após a foz do Rio Maurício, limite da Fazenda Rio Grande,

Vendendo o Monza

éu resolveu vender o Monza Cor de Bosta Fresca de Vaca Malhada, pra tocar por um altomóve mais moderno, mais novo, quem sabe uma destas

Década de 20

Nas primeiras décadas do século XX, Araucária ainda era uma cidade pequena, onde a maioria das residências estavam ao redor da Praça Dr. Vicente Machado

Avanços necessários!

É inegável que a cidade de Araucária obteve muitos avanços ao longo dos últimos anos em várias áreas, principalmente no que diz respeito ao transporte

Compartilhe

Share on twitter
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp