Mesmo tendo sido embargada por duas vezes, a última delas na semana passada, os proprietários do Supra Supermercados insistem em continuar com as obras do novo mercado do grupo, que está sendo erguido na Avenida Archelau de Almeida Torres.

Ontem, dia 16, no final da tarde, a equipe de O Popular flagrou operários assentando mais e mais tijolos na obra. Inclusive, alguns dos homens trabalhavam a uma altura superior a 5 metros, sem o equipamento de proteção individual (EPI) adequado. Ou seja, além de desrespeitar o embargo, a empresa ainda coloca em risco a vida de quem trabalha no local.

Procurado novamente por nossa reportagem, o secretário de Obras, Conrado Faria de Albuquerque, confirmou que a obra foi mesmo embargada novamente esta semana.

Porém, segundo ele, os responsáveis pelo empreendimento, pediram prazo à Secretaria de Obras até o final desta semana “para gastar o restante do material” que havia no local. “Se a partir da próxima segunda-feira eles insistirem em mexer na construção vamos entrar com ação judicial contra o Supra”, avisou.

VEJA TAMBÉM

Compartilhe