Os jogos têm agitado o Centro Esportivo do Costeira desde o dia 20 de junho
Os jogos têm agitado o Centro Esportivo do Costeira desde o dia 20 de junho

Com a última rodada classificatória às portas, a ansiedade já toma conta dos times que enfrentam o Campeo­nato de Veteranos deste ano. Afinal, enquanto alguns lutam para fugir da linha vermelha que pode tirá-los da segunda fase, outros querem chegar à linha azul ou permanecer na verde para garantir confrontos mais fáceis na continuação do torneio (ver tabela de classificação). No entanto, essa ansiedade terá que esperar mais alguns dias para terminar.

De acordo com Sebastião Soczek, organizador da competição, muitos competidores viajam no feriado e deixam as equipes desfalcadas. “Por isso, todos terão folga neste fim de semana, e só voltaremos com os jogos nos dias 12 e 13 de setembro”, informa.

Até lá, as equipes podem analisar sua situação no torneio e preparar novas estratégias para melhorar a classificação. “No caso dos times Treze e Pi­nheiros, por exemplo, existe a luta pela ponta da tabela. Então, se o Treze vencer o Califórnia, ele segue na liderança com 20 pontos. Enquanto, se ele perder e o Pinheiros ganhar do Real Fazenda, teremos a inversão de posições”, explica. No entanto, se o Real Fazenda vencer o Pi­nheiros, é ele quem ficará com a 2ª posição, já que ele está com 16 pontos, mas pode chegar a 19 com a vitória.

Enquanto isso, os times Mocidade, Industrial e São Paulo segue em uma zona confortável da tabela, na qual precisam apenas manter os resultados para continuar classificados. “Inclusive, o Industrial e o São Paulo têm um jogo atrasado, que será realizado no dia 19”, adianta o organizador.

Para fechar o panorama do campeonato, a situação é bem diferente para os times Contenda, Califórnia e União Tupi, que precisam fugir da linha vermelha da tabela para não acompanhar o Fran entre os desclassificados. Para isso, o Contenda precisará levar a melhor contra o time Fran, o Tupi tentará a vitória contra o Mocidade, e o Califórnia lutará contra o líder na próxima semana. “Lembrando que eles também dependem dos resultados dos outros para garantir a vaga na segunda fase”, pontua.

28_29 - esporte.indd
Texto: Raquel Derevecki / FOTO: EVERSON SANTOS

CONTEÚDO RECOMENDADO

VEJA TAMBÉM

A ética dos propagadores de fake news

O título desta crônica é provocativo, pois vivemos num tempo onde cada um é induzido a acreditar na sua fake news de preferência através da

Casa Bem Acabada

Iéste negócio da gente se meter a rabequista das véis dando o maior dos problema!! Sobrinha Roseli se achegando com cara cheia de felicidade contanto

Compartilhe