Uma grande festa marcou ontem, dia 16, a inauguração oficial da biblioteca comunitária do Jardim Alvorada. Representantes da Repar, a secretária municipal de Cultura e Turismo Rosicler Regina de Almeida e muitos moradores prestigiaram o evento, que contou com uma apresentação especial do grupo de capoeira do bairro.

O presidente da associação de moradores, Valdemir da Silva Motta (o Osni), destacou que a entrega deste espaço cultural para a comunidade representa a realização de um sonho antigo, que acaba de ser concretizado. “Para chegar até aqui contamos com o apoio da Repar, da Escola Ceci Cantador, de empresários da cidade e de pessoas da comunidade, que doaram os livros que hoje compõem o nosso acervo de cerca de dois mil exemplares”, comemora.

Osni lembrou ainda que a biblioteca espera continuar contando com o apoio de doadores, pois o acervo ainda é pequeno em função do número de freqüentadores que está sendo aguardado. “Também vamos abrir somente três vezes por semana, nas segundas, quartas e sábados, das 14h30 às 16h30, pois ainda precisamos de voluntários para o atendimento nos demais dias”, acrescenta.

VEJA TAMBÉM

A ética dos propagadores de fake news

O título desta crônica é provocativo, pois vivemos num tempo onde cada um é induzido a acreditar na sua fake news de preferência através da

Casa Bem Acabada

Iéste negócio da gente se meter a rabequista das véis dando o maior dos problema!! Sobrinha Roseli se achegando com cara cheia de felicidade contanto

Compartilhe